Videomarketing para empresas

Videomarketing para empresas

A era do videomarketing para empresas

Na década de 90 a poluição na internet aumentou de forma catastrófica, a vontade das pessoas se tornarem relevantes ocasionou uma verdadeira avalanche de informações postadas nas redes sociais.

Mas, nem sempre a quantidade de informações representa relevância. Existem dos conceitos na publicidade: Brand recall e tempo de retenção.

O primeiro diz que conteúdos relevantes causam um impacto verdadeiro nas pessoas a ponto de criar uma “lembrança da marca“. O segundo diz que uma informação possui o seu tempo de retenção no público de acordo com a sua “relevância”.

Atualmente vídeos no Instagram, possuem 38% mais engajamento e 2.1 vezes mais comentários do que fotos. O Youtube é o canal de mídia que mais cresce na atualidade.

Como resultado, concluímos que hoje em dia vídeos são mais relevantes do que fotos nas redes sociais.

Mas por quê os vídeos possuem essa vantagem sobre as fotos?

1- Os vídeos não exigem esforço do usuário como a leitura. Assim, o usuário tem uma atitude passiva de apenas olhar e escutar. Em uma foto ele precisa ver a foto e ler o texto, o que não gera tanto apelo.

2- Os vídeos unem 2 sentidos (visão e audição) e isso abre possibilidades como mostrar passo a passo ou conseguir convencer utilizando expressão corporal (visão) e entonação (audição).

3- Os vídeos geram uma proximidade do público tornando mais íntima a relação e um aumento da autoridade.

Por isso, boas campanhas de videomarketing para empresas normalmente utilizam vídeos para passar a mensagem para os consumidores!

Alguns tipos de videomarketing para empresas

  • Institucionais => O propósito do Vídeo Institucional é criar uma boa imagem corporativa da empresa e contar a história dela, mostrando os seus funcionários, produtos, clientes e parceiros, com um pano de fundo de mensagem de otimismo, ética e responsabilidade social.
  • Venda de produtos => Como o nome já diz, o foco muda, o objetivo do vídeo passa a ser de venda, evidenciar as vantagens de um produto específico e o benefício que ele proporcionará em sua aquisição.
  • Treinamento => O termo “endomarketing” é amplo e uma de suas funções são as rotinas de treinamento internas e muitas empresas hoje treinam os seus funcionários através de vídeos de treinamento.
  • Redes Sociais => São os mais conhecidos da nova geração, vídeos para Instagram, Youtube, Facebook, Sites, Blogs, uma infinidade de formatos que surgem como um diferencial para que empresas se destaquem em meio a essa enxurrada de informações no meio digital.
  • Vídeo para eventos => Diariamente acontecem centenas de eventos no Brasil e no mundo, esse vasto mercado  exige competência, bom gosto e uma equipe de profissionais altamente gabaritada para a criação desse conteúdo tão importante para o meio corporativo.
  • Campanhas políticas => Atualmente o Prefeito da cidade do Rio de Janeiro, está usando vídeos, para mostrar toda a estruturação da cidade no combate ao Coronavírus, cada hospital construído, as conquistas, os avanços da medicina, tudo é evidenciado através de pequenos vídeos que são instantaneamente enviados pelo Whatsapp.

  • Publicitários => Vídeos publicitários nas redes sociais são cada vez mais usados por empresas para divulgar suas campanhas, além de que o custo pela exposição da mídia é infinitamente mais barato.

 

Os 9 OBJETIVOS de vídeomarketing para empresas

  • Gerar vendas => O cliente é direcionado ao final do vídeo para uma página de compra.
  • Criar listas => O cliente é direcionado ao final do vídeo para uma página de captura de lead, munida de um formulário para preenchimento dos dados do cliente, com e-mail, telefone e nome.
  • Reunião/visitas => O vídeo tem um perfil convidativo, onde apresenta rapidamente os objetivos da reunião ou o motivo da visita, ao final o cliente pode gerar o seu convite ou simplesmente cadastrar suas informações para ter acesso ao evento.
  • Prospecção/funil de vendas => Geralmente usado para venda de infoprodutos, mercado que cresce de forma brutal, o vídeo tem o mote principal as vantagens do produto e possui um “call to action” para uma página de vendas (Landing Page).
  • Ligação imediata => Esse tipo de vídeo possui um link onde, ao clicar, o Smartphone direciona para o discador e a pessoa já efetua a chamada diretamente.
  • Branding => Esse vídeo é utilizado apenas para reforço de marca, é uma ótima opção para o dia a dia, alimentando as redes sociais com um conteúdo institucional, motivacional ou educativo.
  • Saiba mais => Vídeos que direcionam para páginas específicas do site do cliente, onde nessas páginas você encontra um conteúdo relevante relacionado ao vídeo.
  • Vídeo conteúdo => Geralmente usado para trabalhar portfolio de produtos dentro da empresa, é recomendado que se faça um vídeo para cada produto e mantenha-os circulando nas redes sociais.
  • Vídeo estudo de caso => Os professores/especialistas em determinados assuntos, criam vídeos específicos com objetivos de educação.

 

O call-to-action como ferramenta do videomarketing para empresas

Todas as campanhas referenciadas acima nos “9 OBJETIVOS de videomarketing para empresas” dependem exclusivamente da configuração de um botão de “call-to-action”.

Essa estratégia, surgida em meados da década de 90 nos EUA, revolucionou o marketing digital, potencializando as vendas no mundo inteiro.

O termo ao pé da letra quer dizer: chamar/estimular o usuário para uma ação. Essa técnica tem como principal objetivo facilitar a interação do cliente com a publicidade em si, direcionando-o de forma rápida e eficiente para a página de venda.

 

A nova onda: YOUTUBE!

Definitivamente estamos NA ERA DOS VÍDEOS, é nesse momento que o YOUTUBE surge como uma das maiores e melhores plataformas de videomarketing para empresas.

Postar vídeos no Youtube exige uma certa técnica, pois, possui uma infinidade de configurações que proporcionam um resultado mais efetivo na audiência.

Para o marinheiro de primeira viagem é recomendado a busca de um curso específico nesse segmento ou a procura por uma produtora de vídeos especializada no assunto.

 

A interatividade dentro do videomarketing para empresas

As novas tecnologias de vídeos, incluindo a 360°graus, já suportam formatos de compactação onde simplesmente o cliente consegue manipular as imagens usando os dedos.

Esse recurso sem sombra de dúvidas aumenta o engajamento das pessoas com o produto ou empresa, justamente por ser um vídeo interativo.

A novidade é que o Youtube, maior plataforma de vídeos da atualidade, já suporta esse tipo de formato possibilitando aplicações para diferentes contextos.

 

Como criar um videomarketing para empresas?

1- Meta
A primeira coisa que você precisa fazer é definir quais são os resultados que você pretende alcançar.

2- Público
Conhecer o seu público-alvo é uma necessidade para o sucesso de qualquer estratégia de marketing.

3- Temas
Eu vou ser muito sincero com você agora. Não tem como fazer vídeo marketing falando sobre um assunto que você não conhece.

4- CTA
Como já dito aqui nesse post, o Call to Action, ou chamada para a ação, é uma poderosa carta na manga que você pode usar nos seus vídeos.

5- Equipamento
Eu costumo dizer que feito é melhor do que perfeito. Mas isso não significa que você deve fazer as coisas de qualquer jeito.

Provavelmente você já sabe que no mercado existem diversas opções de equipamento para te ajudar a produzir vídeos de qualidade.

São microfones, pontos de iluminação e câmeras que podem atender às mais variadas necessidades do seu negócio.

6- Edição

Para fazer um bom vídeo, você precisa ter algumas coisas claras. Defina o objetivo do vídeo, quais elementos vão entrar nele e selecione o material necessário para isso.

Depois, comece a trabalhar usando o programa que melhor atenda suas necessidades, considerando fatores como as suas habilidades de edição, tempo e equipamentos.

Existem diversas opções, inclusive gratuitas.

Então, se você quer saber um pouco mais sobre videomarketing e como ele pode melhorar o desempenho do seu negócio, mesmo em épocas difíceis? Então entre em contato conosco e agende uma reunião com nossos especialistas.

 

Sobre o Autor

Deixe uma resposta